Home / Notícias / Dissídio Coletivo

Dissídio Coletivo

MAIS DE DOIS MIL MUNICIPÁRIOS DEFINIRAM A PAUTA UNIFICADA DE REIVINDICAÇÕES 2007. Após a Assembléia Geral Os servidores saíram em passeata Pelo Centro, até o Paço Municipal

 

Nem a lotação, nem o forte calor reduziram o ânimo dos servidores que participaram ativamente da Assembléia Geral da categoria, organizada pelo Simpa, nessa quinta-feira, 19/04, no centro de eventos do Parque da Harmonia. A proposta da Astec foi defendida pelo 2º Vice-Presidente, Paulo Renato Terra, que foi muito aplaudido. Pela primeira vez em muitos e muitos anos, os discursos demonstraram grande unificação em torno das proposições apresentadas e a cordialidade deu o tom do encontro que definiu como os municipários encaminham a negociação do dissídio coletivo para a data-base de 1º de maio, com o governo: PAUTA UNIFICADA DE REIVINDICAÇÕES 2007 Eixos Centrais: * Índice que contemple as perdas salariais, inflação e aumento real, totalizando 20%; * Reajuste do cale alimentação para R$ 15,00 (quinze reais), extensivo aos aposentados e estagiários; * Assistência à saúde do municipário; Plano de carreira; * Progressão Funcional; * Horas Extras. PAUTA UNIFICADA 1- Garantia de efetividade de todos os servidores nas atividades da campanha salarial de 2007; 2- Aumento do número de vales para 30 ao mês; 3- Elaboração de Plano de Carreira, com a participação paritária dos servidores; 4- Dar encaminhamento imediato aos anteprojetos já elaborados pelas categorias; 5- Regularização da progressão funcional, com pagamento imediato das progressões atrasadas, mantendo o percentual de 50%; 6- Retomada da bimestralidade; 7- Revogação imediata do decreto 15.290/07 (horas extras); 8- Retorno do pagamento da intrajornada e das horas realizadas no mês subseqüente a sua realização, bem como pagamento imediatodas horas já trabalhadas; 9- Incorporação ao salário das médias dos últimos cinco anos de horas extras; 10- Pagamento de essencialidade ao serviço de saneamento, no valor de 110%; 11- Integralização do valor da GIT (100%) e incorporação ao vencimento básico; 12- Garantia do gozo da licença-prÊmio quando solicitado, ou conversão em pecúnia; 13- Garantia da integralidade dos vencimentos em relação aos descontos previdenciários quando da aposentadoria; 14- Recomposição salarial do padrão II e celetistas, de 1,25% do salário mínimo, respeitando os intervalos salariais para as demais faixas; 15- Garantia da segurança, integridade física e material dos trabalhadores; 16- Respeito dos trabalhadores nas questões rlacionadas à Biometria; 17- Melhoria das condições de trabalho e atendimento à população; 18- Não às PPPs e privatizações em geral; 19- Fim da terceirização no serviço público municipal, contra o uso abusivo de estagiários e realização de concurso público para todos os ´níveis; 20- Investimento na formação e qualificação do sercvdor público; 21- Discussão e elaboração de Lei que regulamente as normas de segurança e saúde no trabalho; 22- Contra o processo de “leilão” da folha de pagamentos, para garantir o direito dos municipários; 23- Que toda e qualquer negociação salarial com a categoria tenha a participação do Simpa; 24- Garantia das reuniões nos locais de trabalho, organizadas por trabalhadores, representações e sindicato; 25- Liberalção de toda a dietoria do Simpa; 26- Pela democratização da discussão do uso do porte de arma pela Guarda Municipal; 27- Discussão e elaboração da Lei de Saúde dos Municipários; 28- Liberação das solicitações de insalubridade; 29- Antecipação do 13º salário no perído de férias, opcional ao servidor; 30- Implantação da educação infantil para todos os dependentes de servidores com idade igual ou inferior a 6 (seis) anos, conforme estabelecido na Lei Orgânica do Município, ou pagamento de auxílio creche; 31- Discussão entre governo e servidores a hierarquização dos descontos no contra-cheque. Ao final, os servidores saíram em passeata pelas ruas do centro de Porto Alegre, anunciando à população, por cerca de 50 minutos, as condições em que a categoria vem trabalhando e as suas reivindicações. A camionhada foi concluída com uma grande concentração no Paço

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *